Categories: Notícias

by Frederico

Share

cleanup_roupa de cama para hotelaria

Ao escolher a roupa de cama para o seu hotel deve ter em consideração diferentes aspectos para garantir não apenas a qualidade da roupa, mas também uma experiência luxuosa e confortável para os seus hóspedes.

Ao escolher a roupa de cama para o seu hotel é crucial considerar várias características que definem a qualidade, a experiência de luxo e de conforto que oferece aos seus hóspedes e a durabilidade e acabamento que terão após lavagens.

A qualidade da roupa de um hotel é um cartão de visita para os seus hóspedes. A verdade é que há poucas sensações melhores do que chegar ao quarto de hotel e ter roupa impecavelmente engomada, limpa e que seja confortável e agradável ao toque.

Apresentamos-lhe então as principais características a ter em conta na escolha da roupa de cama para o seu hotel:

1. Material

Os materiais da roupa de cama variam desde o poliéster até ao algodão egípcio, com diferentes níveis de qualidade entre eles. Aqui estão algumas opções comuns:

  • Poliéster: Uma escolha duradoura, o poliéster oferece resistência e facilidade de manutenção. É a escolha ideal para quem procura uma solução mais em conta e com maior durabilidade. Permite excelentes acabamentos na engomagem.

  • Algodão Percal: Conhecido pela sua suavidade e durabilidade, o algodão percal é uma opção mais premium e mais macia que o poliéster, sendo relativamente popular em hotéis de 4 e 5 estrelas. Apesar disso, é um material desafiante devido à sua propensão a não passar bem e a criar vincos.

  • Algodão Cetim: Este tipo de algodão oferece uma sensação suave e luxuosa, o que o torna uma escolha mais premium para proporcionar conforto aos hóspedes. É um material que engoma bem, proporcionando uma aparência elegante aos seus lençóis. Dada a sua consistência acetinada, pode ser mais desafiante a retirar nódoas de gordura.

  • Algodão Egípcio: No topo da pirâmide, o algodão egípcio é conhecido pela sua maciez incomparável e durabilidade excepcional, sendo considerado uma opção de luxo e de conforto superior. Extremamente fácil de engomar, a pureza do Algodão Egípcio implica menor probabilidade de alergias para peles sensíveis e tem ainda uma capacidade excecional de absorver líquidos.

2. Número de Fios

O número de fios também é um indicador importante da qualidade da roupa de cama. Quanto maior o número de fios, mais macio, durável e luxuoso será o tecido. Por exemplo, a diferença entre lençóis de 200 e 500 fios é que, para caber 500 fios no mesmo espaço onde cabem 200 fios, estes têm que ser muito mais finos, logo, são muito mais macios e de melhor qualidade.

Mas, porque não há um belo tecido sem senão, o número de fios é linear com o peso. Ou seja, quantos mais fios o tecido tiver, mais pesado ele será e, consequentemente, mais caro será no momento da compra e na lavagem. Mais fios significa também que é mais difícil tirar nódoas que se entranham nos fios e também é mais difícil que o cheiro do amaciador fique entranhado na roupa.

As categorias mais comuns são as seguintes:

  • 150 a 180 fios: normalmente produzidos em poliéster ou com uma mistura de poliéster e algodão, são tecidos mais simples e mais adequados quando são trocados com muita frequência.

  • 200 a 400 fios: Oferecem uma sensação suave e fresca, ideal para as noites mais quentes.

  • A partir de 500 fios: Proporcionam uma experiência de sono melhorada, com uma sensação macia e brilhante, para além de oferecerem uma maior durabilidade.

  • A partir de 1.000 fios: Considerados o pináculo do luxo, estes lençóis delicados e suaves oferecem uma experiência de sono incomparável e uma durabilidade sem comparação.

3. Jacquard

O tecido Jacquard é um tipo de tecido com padrões e feito em teares, o que permite criar desenhos complexos e mais trabalhados. Esta técnica torna o tecido mais sofisticado, com um efeito de brilho maior e texturas mais espessas.

A inclusão de Jacquard nos lençóis permite ao hotel uma maior personalização dos mesmos, incorporando logotipos e desenhos exclusivos para reforçar a marca e oferecer uma experiência única aos hóspedes.

As peças desenvolvidas neste tipo de tecido são, normalmente, mais resistentes e têm um brilho maior.

4. Rolinho

O bordado em rolinho adiciona um toque de elegância aos lençóis, criando relevo nas peças, sendo geralmente de uma cor diferente do branco. No entanto, é importante ter em mente que o rolinho pode apresentar alguns desafios durante o processo de lavagem e de engomar, pois tem tendência a criar vincos e rugas na zona circulante ao rolinho com mais facilidade.

A roupa de cama é considerada um cartão de visita de um hotel, pois o seu uso reflete-se diretamente no conforto e satisfação do hóspede. Por isso, ao escolher a roupa de cama para o seu hotel tenha em consideração estes diferentes aspectos para garantir não apenas a qualidade da roupa, mas também uma experiência luxuosa e confortável para os seus hóspedes.

Partilhe este artigo:

Artigos relacionados

Ver todos os artigos